segunda-feira, 3 de maio de 2010

Resposta

Marco Antonio Zanfra é daqueles jornalistas de verdade. De ampla experiência, nome respeitado, não mede esforços para... fazer jornalismo. Um crítico por natureza. Pergunta sem medo de incomodar. E isso me faz manter a mesma admiração que aprendi a ter pelo seu trabalho quando fomos colegas no extinto jornal O Estado. É meu leitor há tempos. Fiel e severo. Não deixa passar nada. E isso é ótimo. Ok, o blog é meu, escrevo nele o que desejar, mas sempre é bom ter fiscalização.

E no post anterior, o Zanfra avaliou que cedi espaço semelhante ao da revista Veja para o pré-candidato do PSDB, José Serra. Perguntou ainda se isto está no contrato do meu assessorado que, não há segredo algum, pertence ao mesmo partido do ex-governador paulista. Na verdade, cedi um grande espaço para eu mesmo. Aqui é o único lugar onde posso ser repórter, já que os salários irrisórios oferecidos pelos veículos de comunicação de Santa Catarina me forçaram a ir para o setor de assessoria de imprensa, o "outro lado do balcão".

Fiz no texto abaixo uma análise do político e pré-candidato José Serra. Inclui minhas impressões sobre ele, fazendo comparação com uma época anterior da vida pública dele, a qual eu testemunhei. Reportei o que ele estava fazendo naquele momento retratado pelo texto e com quem. Emiti opinião - afinal, como dito acima, o blog é meu. Mas em momento algum eu disse "vote nele" ou "não vote nele". Não sou de partido político algum, defendo a tese de que jornalista não deve ter partido político. Pode, no máximo, prestar serviços a tais agremiações. Obviamente, já fui convidado a me filiar ao partido do político para o qual eu presto serviço. Declinei. Nem por isso, a pessoa que contrata minha mão de obra me demitiu. Em quem eu vou votar é um problema só meu. Minhas ideologias também. Não interessam à ninguém, a não ser que eu resolva contar.

Esta resposta é para quem ler o texto abaixo e o comentário do meu amigo Zanfra, que me garante audiência e muitos momentos de reflexão. Desconfio até que muitas vezes ele me questiona como castigo, por eu não me dedicar mais, tanto quanto eu gostaria, à leitura do blog dele (cujo link está no menu ao lado). :)

2 comentários:

Marco Antonio Zanfra disse...

Falou, falou, falou e não comentou nada no Fala, Zanfra! Ou seja: não adiantou nada minha investida!

Amilton Alexandre disse...

Até ia comentar tua resposta. Vi que o Tijoladas não é um blog "legal" e desisti